Rodoviários entram em greve e São Luís amanhece sem ônibus

Apesar de a decisão da Justiça estabelecer que, em caso de greve, 90% do transporte público deveria circular nesta quinta.

A decisão liminar foi proferida pela desembargadora federal do Trabalho, Ilka Esdra Silva Araújo, nenhum ônibus deixou as garagens em São Luís, a capital maranhense amanheceu sem ônibus nesta quinta-feira (21), devido a paralisação dos rodoviários, que já havia sido anunciada em assembleia geral com os trabalhadores desde a quarta-feira (13).

Caso as medidas sejam descumpridas, a multa diária estabelecida pela Justiça do Trabalho é de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais) ao STTREMA e ao SET.

A greve dos rodoviários foi deflagrada por tempo indeterminado, ou até que uma proposta convincente aos trabalhadores do transporte coletivo da capital seja apresentada pelo Sindicato das Empresas de Transporte (SET).

A categoria reivindica itens como reajuste de 13% nos salários, jornadas de trabalho reduzidas para 6 horas, tíquete alimentação no valor de R$ 800,00, manutenção do plano de saúde e outras pautas.

Fontes: https://diariodotransporte.com.br/ e Jornal O Imparcial.

Deixe uma resposta